Conhecendo as especiarias


Conhecendo as especiarias

Sem dúvida as especiarias acrescentam mais vida às preparações culinárias – eu estou sempre buscando novas especiarias para trazer mais sabor às minhas receitas. Aqui nesse texto vou te contar um pouquinho sobre as especiarias que mais uso e dar dicas de como utilizá-las

#PÁPRIKA

Feita a partir de pimentão vermelho seco e depois moído. Tem cor vermelha muito vibrante [se usada em molhos o resultado é ótimo!] e seu sabor pode ser suave, picante, doce ou defumado – uso todas, realmente gosto! Essa especiaria se originou nas Américas e logo chegou à Espanha, onde é muito utilizada em sopas, cozidos e arroz – e não somente lá, mas no mundo todo!  Misture a Páprika com um pouco de tomilho, azeite, alho e suco de limão e terá uma marinada deliciosa para carnes e frangos.

RECEITA DO MEU KETCHUP CASEIRO COM PÁPRIKA

 


#CARDAMOMO

As bagas verdes do cardamomo tem um sabor adocicado e combina tanto em pratos salgados como em doces – experimente também coar o café com algumas bagas. Pode-se usar a baga inteira, em pó ou apenas as sementes internas – pressione a baga com uma faca e ela se abrirá. Se quiser aromatizar leite, por exemplo, para fazer uma sobremesa, ferva-o com as sementes e deixe em infusão por aproximadamente 30 minutos, depois basta coar e utilizar o líquido aromatizado em sua receita. O Cardamomo em pó é bom para ser utilizado em receitas como pães e bolos – pode não ser muito agradável mastigar aquelas pequeninas sementes.

AQUI UMA RECEITA DE CREME DE MASCARPONE E BAUNILHA COM CARDAMOMO


#GENGIBRE

Acho o gengibre uma das especiarias mais versáteis – fazemos de curry a suco com ele! O gengibre é uma raiz bulbosa de aroma adocicado e sabor acentuado e refrescante, mas ao mesmo tempo quase apimentado. O gengibre possui muitas propriedades interessantes – não gosto de falar muito sobre isso porque não sou profissional da saúde, mas quando estou com cólica faço um chá de gengibre bem forte e pra mim funciona MUITO bem.

O GENGIBRE É A ESTRELA NESSA RECEITA DE CREME DE ABÓBORA


#ANIS

Pra começar, essa especiaria é linda, dá pra usar apenas para decorar um prato! Seu sabor é muito fresco e intenso, por isso é mais interessante se utilizada com parcimônia. É uma planta de origem asiática [China e Vietnã] e lá é bastante utilizada para dar sabor a frutos do mar e carnes. Me lembro de ter feito uma vez um cozido de carneiro com anis, canela e damasco – ficou sensacional! DICA: quando for cozinhar cenouras, coloque um pouquinho de anis – fica sensacional!


#pimenta em grãos

Pimenta é um dos meus vícios – tanto as frescas quanto as secas. São uma maravilha para aromatizar picles e marinadas ou para utilizarmos em assados, sempre tenho muitas variedades na minha cozinha, elas realmente trazem um toque muito especial a qualquer prato.

JÁ EXPERIMENTOU ASSAR LEGUMES COM PIMENTA EM GRÃOS? VEJA AQUI UMA RECEITA


#Açafrão

Acho que todo mundo já ouviu dizer que são necessárias milhares e milhares de flores para se produzir o açafrão, e é isso mesmo: são necessárias 80 mil flores para se produzir uma média de meio quilo da especiaria. As flores são colhidas manualmente, e o açafrão em si é extraído do pistilo da flore…é muita delicadeza, então tudo isso encarece muito o preço do produto final. O sabor do açafrão é muito acentuado e o tom alaranjado que ele proporciona aos alimentos é a coisa mais linda. É maravilhoso para ser utilizado em risotos, molhos e para temperar carnes e vegetais – e é o ingrediente para base dos curries indianos.

ESSA RECEITA DE PÃO DE AÇAFRÃO VAI TE SURPREENDER!


#canela

Muito popular no Brasil, a utilizamos principalmente para temperar maçã e banana – e é realmente uma combinação maravilhosa! Gosto de usar a canela em pó para temperar carnes vermelhas [uma pitada generosa basta, no quibe assado fica uma maravilha!], para dar um sabor diferente ao café ou até para aromatizar o creme de leite fresco antes de fazer o sorvete.

BANANA E CANELA, UMA DUPLA PERFEITA: AQUI UMA RECEITA DE PÃO DE BANANA


#cominho

O cominho é como coentro: amado ou odiado, não tem meio termo. Eu gosto dessa especiaria mas acho importante saber usar para que ela não ‘domine’ o sabor do prato.  O aroma do cominho é super forte e o sabor, bem acentuado. Pode ser utilizado as sementes inteiras ou moídas [prefiro moída, ou seja, em pó]. Acho maravilhoso para temperar grãos quando vou fazer receitas vegetarianas como bolinhos, hamburguers e falafel.

RECEITA DE FALAFEL DE FEIJÃO FRADINHO


#baunilha

Acho o aroma da baunilha uma das coisas mais maravilhosas da natureza – você já experimentou colocar uma fava de baunilha [aberta depois de utilizada a polpa] dentro de um pote de açúcar? Não sou muito fã dos extratos de baunilha vendidos em supermercados: o aroma as vezes é bom mas sempre acho que não tem sabor. Prefiro utilizar um extrato que é vendido em lojas de artigos para confeitaria, ele é mais espesso e o sabor costuma ser bom. Mas claro que nada se compara às favas: é o produto em sua mais bela forma e pleno em sabor! Para utilizar a baunilha, você deve abrir a fava, no sentido longitudinal, e retirar a polpa – as favas podem ser reaproveitadas também para aromatizar leite, é uma delícia.

UMA RECEITA CLÁSSICA: SEMIFREDDO DE BAUNILHA


#Amburana

Eu amo todos os ingredientes brasileiros e a amburana acho que é um dos meus xodós. Gosto de utilizar essa semente super aromática e delicada para fazer meu PUDIM DE TAPIOCA ou aromatizar leite ou creme deleite em geral, provendo um sabor especial a diversas preparações. Essa semente é proveniente de uma árvore brasileira de grande porte e dentro das vagens produzidas por essa árvore, encontramos as sementes de amburana. Há diversos estudo que mostram que a amburana tem muitas propriedades medicinais super importantes. E elas não são lindas?

UMA RECEITA INCRÍVEL DE SORVETE DE TAPIOCA E AMBURANA

foto; estadão.com.br

 

receitas com especiarias

+ There are no comments

Add yours