Os vilarejos mais bonitos da França


Os vilarejos mais bonitos da França

Sim, eu amo a França e estou sempre escrevendo sobre ela. Há alguns anos atrás eu vinha pra cá de férias e sempre ficava encantada. Ia embora pensando quando eu iria novamente viajar pela França e o que eu iria visitar. E vamos combinar que vilarejos lindos não falta por aqui e estão por toda parte.

Tive a oportunidade de conhecer alguns dos vilarejos que pertencem à lista do VILAREJOS MAIS BONITOS DA FRANÇA nas mais diversas regiões, como Provença e Côte d’Azur, Normandia e Bretanha, Vale do Loire, Borgonha, Alsácia e Dordonha e também outros que não pertencem a esta lista e são também muito encantadores. Aqui estão os 10 que mais me encantaram.

Reserve seu hotel no site Booking.com através deste link e ganhe R$50 de desconto: https://www.booking.com/s/11_6/8324e295


#1  beynac-et-cazenac

Este vilarejo pra lá de encantador fica na região onde eu moro, a DORDONHA, e fui conhecê-lo há algumas semanas atrás (agosto/2017): aproveitando que é verão e o tempo estava perfeito para um banho de rio – a cidade fica a beira do rio Dore e pertence a lista dos VILAREJOS MAIS BONITOS DA FRANÇA. Confio nessa lista porque já estive em alguns dos vilarejos que fazem parte dela – e todos eram realmente magníficos. A vilinha tem pouco mais de 500 habitantes (o que já é 3 x mais populoso que onde eu moro, haha), arquitetura medieval (sempre) e um astral encantador. Passear pelas ruas íngremes e estreitas é mágico, a cada esquina vamos descobrindo algo lindo e há alguns mirantes durante o percurso pelo meio do vilarejo. Fiquei hospedada lá por 2 noites, a fim de visitar outros vilarejos da região e foi uma ótima escolha: é tudo lindo, sem muvuca de turistas e ainda tem um restaurante ótimo – La Petite Tonnelle. Além de passear pelas ruelas e comer (sempre!) você pode fazer um passeio de caiaque pelo rio e ainda dar uns mergulhos – super recomendo! É um lugar interessante para ser visitado de carro, assim você pode se deslocar facilmente pelas outras cidades próximas de lá, como Sarlat-la-Caneda (que é uma cidade maior e com 1 milhão de restaurantes, lojinhas e turistas), Domme (lindo, pacato, as casas são lindinhas, tem uma praça central super fofa com alguns restaurantes e sorveterias e com uma vista sensacional para o rio) e Castelnaud-la-Chapelle (que abriga outro castelo importante da região). Ótimos lugares para passear e lembrar de como o mundo é lindo!

BEYNAC
BEYNAC

 

DOMME
CASTELNAUD

#2 Riquewihr

Uma época atrás eu seguia alguns perfis de viagens no Instagram e sempre via fotos dessa linda cidade da ALSÁCIA. E toda vez que eu via essas fotos, ficava muito encantada – até que pensei: “Preciso conhecer Riquewihr e toda a Alsácia!”. E foi o que fiz em Outubro de 2016. A cidade é super fofa, assim como tudo na Alsácia – fora a comida e os maravilhosos e frescos vinhos brancos. Riquewihr está na rota do vinhos da Alsácia. A cidade tem uma carinha assim digamos…germânica, pois durante algum período pertenceu à Alemanha, sendo devolvida à França após o tratado de Versalhes. A comida também tem essa grande influência: é mais “pesada” (característica típica de cidades que apresentam clima mais frio) e deliciosa – prove tudo o que te oferecerem, não irá se arrepender!

VISTA DA CIDADE A PARTIR DE UM VINHEDO
VISITE AO MENOS UMA CAVE E PROVE TODOS OS VINHOS QUE PUDER!

#3 antibes

A lindinha Antibes fica no SUL DA FRANÇA – a apenas 27 minutos de trem a partir de Nice, perfeito para um bate e volta caso você esteja de férias por lá. Uma gracinha de cidade. Tudo muito charmoso e pacato. Tem mil e um restaurantes legais para você provar as especialidades locais. Depois passeie pelo centro histórico, e se gostar de arte e história visite o Chateau Grinaldi: uma construção do século 16 que hoje abriga o Museu Picasso (o pintor tem história com a cidade de Antibes… trabalhou nesse castelo durante algum tempo e assim em 1966 a cidade decidiu prestar uma homenagem a ele nomeando o Museu com seu nome – muito interessante!). Para os apreciadores dos ingredientes e cultura gastronômica local, visite o Marché Provençal.

http://www.comidacomafeto.com/wp-admin/post.php?post=4370&action=edit


#4 GOURDON

No topo de um penhasco a uma altitude de 760 m, Gourdon tem uma incrível vista panorâmica sobre os desfiladeiros do Loup e o Mediterrâneo. As antigas construções foram bem preservadas e restauradas nesse lindo vilarejo de menos de 400 habitantes da PROVENÇA. Nas lindas ruas medievais há lojinhas com todo tipo de produtos de fabricação local, principalmente a base de mel e lavanda. Seu castelo, construído no século 9 tem jardins magníficos! Se estiver por lá, visite também GRASSE e VALBONNE. Visitei esse vilarejo em 2015, quando fiz um tour pela Provença e todo o Sul da Franaça – me lembro que quando cheguei nesse cidadezinha pensei ‘Ok, poderia abrir um pequeno restaurante e ficar por aqui, tranquilo!’. Quem sabe?

ESSE VILAREJO É MUITO LINDO!
ESSA É A VISTA A PARTIR DO CENTRINHO DO VILAREJO – QUE TAL?
ADORO AS JANELAS AZUIS NAS CONSTRUÇÕES MEDIEVAIS…

#5 VILLEFRANCHE-SUR-MER

Outro bate volta imperdível a partir de Nice, Villfranche tem uma localização privilegiada: a Riviera Francesa. Difícil dizer qual cidade da região eu mais gostei, já que tudo é muito charmoso, organizado e sempre conta com bons restaurantes – mas com certeza Villefranche foi uma das minhas cidades favoritas por lá! A cidade antiga conta com um forte, muito bem preservado por sinal, onde você pode ir caminhando e admirando a paisagem, que é linda! Um lugar também super gostoso pra pegar uma praia e depois jantar em um restaurante legal – a maioria dos restaurantes por lá é de comida francesa. Na Quai de L’Amiral Courbet tem MUITOS restaurantes – escolha o seu e seja feliz! As construções coloridas ao longo da baía e a cor maravilhosa de suas águas deixam tudo mais charmoso…

FUI MUITO FELIZ COM MEU STEAK TARTARE E UM VINHO ROSÉ NO RESTAURANTE BELUGA
A COR DA ÁGUA É INCRÍVEL
VILLEFRANCHE: UMA CIDADE ALEGRE!

#6 DINAN

Essa cidade medieval (e ainda murada) fica na Bretanha – uma região muito rica em história, onde tudo por lá foi muito especial pra mim (isso é uma longa história, mas para resumir, quando eu estava na região eu descobri que parte dos meus antepassados moravam nessa região, e tem algumas pessoas lá até hoje…). Em março de 2016 visitei a BRETANHA E NORMANDIA, fiquei 1 mês por lá e tive um sentimento muito especial por toda essa região. A Rue du Petit Fort é considerada a segunda mais bonita da França e é a ligação entre a cidade murada e o Rio Rance – dê uma passeada pela Rue du Quai, à margem do rio. É super bonito e tem algumas cafeterias e restaurantes. Aliás, ali na marina você pode fazer um passeio de barco até Saint Malo, que é outro lugar incrível da Bretanha. EM suma, perca-se pelas lindas e estreitas ruas medievais, compre produtos típicos em uma das milhares de lojinhas (os caramelos são incríveis!), visite a catedral e se encante com tudo!

O CENTRINHO DA CIDADE
O RIO RANCE – E NA OUTRA MARGEM JÁ É A CIDADE DE LANVALLAY
À ESQUERDA, A MURALHA

#7 mont saint-michel

É um pouco difícil tentar descrever exatamente esse lugar tão especial e mágico da NORMANDIA. Quando você está no mirante e vê toda aquela imensidão a sua frente….a maré que vai mudando durante o dia…nesse momento percebemos como somos pequenos e as vezes até impotentes diante da imensidão da natureza. É incrível mesmo, uma sensação muito boa e igualmente indescritível. A história desse lugar é um pouco complexa, mas basicamente consiste em um vilarejo medieval murado que fica na encosta de um morro, e lá no topo está o Mont Saint-Michel, que foi construído para homenagear o arcanjo Miguel. Quando no mirante podemos observar a rápida mudança da maré, quando a água praticamente invade o entorno e transforma o Monte em uma ilha – é mágico mesmo esse momento! Existe um calendário a ser consultado para saber exatamente o dia e horário em que isso acontece, pois é realmente um show da natureza. Acho que vale a pena consultar esse calendário no site da cidade antes de programar sua visita – vale a pena, vai por mim!  Depois de assistir esse espetáculo da natureza, sente em alguma cafeteria para tomar uma bebida quente (está sempre frio por lá…) e se gostar de omelete, experimente o do tradicional La Mère Poulard – é quase um suflê, muito interessante!

O MONTE
O MIRANTE PARA APRECIAR A TRANSFORMAÇÃO INCRÍVEL DA MARÉ
O VILAREJO

#8 SAINT-EMILION

Eu já escrevi um POST dedicado a este lindo vilarejo da França – e gostei tanto de lá que não poderia deixá-lo de fora dessa lista! Essa cidade medieval é super linda (e bem pequena!) e você pode conhecer várias vinícolas da região, participar de degustação de vinhos e jantar em bons restaurantes (para deixar tudo mais interessante, escolha um menu harmonizado!). No ano passado eu passei 1 semana em Bordeaux, então em um fim de semana fui até Saint-Emilion (de trem, 1 hora e meia de viagem, super tranquilo e barato). E se tiver tempo e disposição, vá até Bergerac – fica a 1 hora de trem e também tem bons produtores de vinho por lá!

POR ONDE QUER QUE VOCÊ OLHE, UVAS!
A CIDADE É LINDA!
BERGERAC TAMBÉM VALE O PASSEIO…

#9 beaune

Que graça essa linda cidade da região da Borgonha – outra região produtora de vinhos da França. Me encantei à primeira vista. Visitei-a também em 2016, quando estava em Dijon, já que é super acessível para ir de trem! A cidade é uma graça, tem uma praça central muito agradável, repleta de cafeterias, lojas de produtos típicos e restaurantes – onde é possível experimentar diversos pratos típicos da Borgonha, como Escargots e Boeuf Bourguignon – ah que delícia! Em Beaune fica a fábrica de mostardas Fallot – super tradicional e onde é possível fazer uma visita guiada (eu fiz e é realmente bacana, no final é possível provar todos os sabores de mostarda que você quiser e tem uma lojinha  – dá para comprar os vidros de mostarda em miniatura, o que é bem legal). Por lá também encontramos diversos bares para degustar vinhos, sensacional! Se quiser ler o post completo sobre o que fazer em Dijon e Beaune, está aqui NESTE LINK.

A PRAÇA CENTRAL, SUPER ANIMADA!
BAR A VIN? TEM MUITOS…
A CATEDRAL É LINDA, PASSEI UM BOM TEMPO ADMIRANDO TODOS OS DETALHES DA FACHADA

#10 AMBOISE

Quando eu estava em Tours, em Abril de 2016 (logo após minha temporada na NORMANDIA), me organizei para conhecer alguns dos castelos do Vale do Loire e o Castelo de Amboise estava na minha lista – o que eu não esperava é que a cidade em si é muitíssimo interessante! O CASTELO fica em um ponto mais alto do que o nível do centrinho da cidade, e a partir de um dos seus mirantes conseguimos ver essa parte central da cidade – fiquei encantada, já que eu não havia pesquisado muito sobre o que fazer em Amboise, então não estava esperando uma cidade super fofa. Tem algumas caves legais para fazer degustação de vinhos, cafeterias, sorveterias e restaurantes. Depois de visitar o castelo (lindíssimo e com uma história incrível, assim como todos!) dê uma voltinha pela cidade, você vai amar!

A CIDADE A PARTIR DE UM DOS MIRANTES DO CASTELO
PAUSA PARA UMA TAÇA DE VINHO, CLARO. BEM, NA VERDADE FORAM DUAS!


mais LUGARES LINDOS PELO MUNDO

+ There are no comments

Add yours