Pão de Cenoura e Sementes de Girassol {Levain}


Pão de Cenoura e Sementes de Girassol {Levain}

Pão nunca é demais né gente! Ultimamente eu não estava muito disponível para fazer pães, e sempre que o fazia optava pelo pão simples. Mas como eu estou sempre atenta ao reaproveitamento de alimentos, decidi fazer algo com algumas cenourinhas que já estavam se tornando idosas! Primeiro pensei em fazer um purê para usar na receita de pão – mas confesso que bateu uma preguiça e acabei apenas batendo as cenouras no liquidificador com água e utilizei este suco como substituto da água.

O pão ficou levemente adocicado [devido às cenouras], com uma cor bem bonita, miolo macio e alveolado – gostei muito do resultado e já imaginei outras variações [tipo gotas de chocolate ou até um queijo diferente]. By the way, acho que mencionei em algum post que ando completamente viciada em receitas de pão sem sova né? Pois é, e este é mais um deles. Se você seguir o passo a passo direitinho o pão fica ótimo – bem, eu acho…

 

FÓRMULA

Hidratação: 70%  |  Levain: 20%  |  Açúcar: 1% | Sal: 2%


INGREDIENTES ‘suco’

400 ml de água fria

2 cenouras médias

INGREDIENTES pão

400 gramas de farinha de trigo comum

280 gramas de suco de cenoura

80 gramas de levain

4 gramas de açúcar demerara [em média 1 colher de sobremesa rasa]

8 gramas de sal

1 xícara de sementes de girassol tostadas [pode usar também sementes de abóbora, já usei nesta mesma receita e gostei]


passo 1 – levain

Refresque seu levain na noite anterior para utilizá-lo no dia seguinte pela manhã – ele estará no ponto! Ou o faça com a antecedência que achar melhor: cada um conhece seu levain, não é mesmo?

passo 2 – suco

Bata a água e as cenouras no liquidificador, depois coe. Lembre-se que você precisará de 280 gramas do suco [e as quantidades de água e cenoura da receita irão render aproximadamente isso mesmo].

passo 3 – preparo da massa

Em um bowl coloque o suco e o levain refrescado e mexa rapidamente para o levain dissolver um pouquinho. Adicione agora os demais ingredientes e misture com uma colher de pau somente até agregar tudo – lembre-se que é uma receita de pão sem sova. Cubra a massa com um pano e deixe descansar por 1 hora.

passo 4 – dobras + 1ª fermentação

Vamos fazer o processo das dobras e repetir por mais 2 vezes, com intervalo de 30 minutos entre elas – totalizando 3 vezes. Depois da última dobra, cubra a massa e deixe que descanse por 2 horas em temperatura ambiente, depois transfira para a geladeira e deixe-o lá em torno de 8 horas – está será a primeira fermentação.

NOTA: na ‘arte’ de fazer pães, a temperatura ambiente deve sempre ser levada em consideração e você deve adaptar as receitas para a sua temperatura local – esses timings que posto aqui referem-se a temperaturas amenas, em média entre 24 a 26 graus, então se o dia estiver muito frio onde você está, significa que precisarás de mais tempo para a massa descansar, e de preferência dentro de um local quentinho [forno desligado ou microondas], já se estiver muito quente, será o contrário [você pode até colocar a massa na geladeira se a temperatura estiver extremamente alta]. Já fiz pães em locais com 0 grau e também 35 graus, e o resultado é sempre o mesmo, pois sempre vou me adaptando. Com o tempo a gente aprende a enxergar as necessidades da massa. Tempo é tudo minha gente, tempo é aprendizado!

 

passo 5 – modelageM + 2ª fermentação

No dia seguinte a massa estará linda e crescida – hora de modelar! Transfira a massa para uma bancada com um pouco de farinha, achate-a levemente com as pontas do dedos e apenas faça algumas dobraduras com a massa – “puxando a parte de fora para dentro”, de forma delicada, a fim de não retirar todo o ar da massa. Modele-a como desejar e coloque-a em um cesto de fermentação [antes polvilhe um pouco de farinha de trigo] ou em uma forma [costumo usar bastante a forma para bolo inglês, gosto muito!].

Deixe descansar em torno de 2 horas em temperatura ambiente ou 4 horas na geladeira – já cheguei até a deixar mais tempo na geladeira. O importante é não deixar a massa passar do ponto de assar.

passo 6 – assar

Preaqueça muito bem o seu forno – isso faz muita diferença para assar pães, eu costumo ligar meu forno 30 minutos antes de assar o pão, na temperatura máxima. Transfira sua massa para uma assadeira polvilhada com um pouco de farinha de trigo ou utilize um bom papel manteiga, faça os cortes na superfície do pão, borrife água em sua superfície e utilize uma assadeira com água fervendo na parte mais baixa do forno para gerar vapor nos primeiros 20 minutos de forno [isso deixa a crosta mais dourada e crocante].

Asse por 15 minutos na temperatura máxima do seu forno e depois mais 25-30 minutos a 220 graus. Conseguem imaginar uma manteiga derretendo por cima de uma fatia deste pão quentinho?


mais receitas DE PÃO COM LEVAIN

+ There are no comments

Add yours