Coxinha


Coxinha

Antes de começar, uma ressalva: com certeza suas coxinhas não ficarão iguais as da sua avó, mas garanto que ficarão uma delícia. No meu caso, nenhuma das minhas avós algum vez fez coxinhas, mas a vó do Alê e da Paty …ela fazia há um tempo atrás! Então nos reuníamos na varanda para papear e nos deliciar com as coxinhas…bons tempos – pela cia e, claro, pelas coxinhas!

Algumas coisas que acho que fazem muita diferença pra se fazer uma boa coxinha em casa: usar caldo de frango caseiro, fazer o recheio de véspera e manter na geladeira (ele fica mais firme e MUITO mais saboroso) e por último, usar uma farinha de pão caseira para empanar – acho a farinha de rosca muito fina…com a farinha de pão caseira, acho que as coxinhas ficam mais crocantes! Ah, e claro que com a receita desta massa você pode também fazer bolinhas de queijo, risoles e pirar nos recheios da coxinha. Dizem por aí que coxinha é só de frango, mas há controvérsias….a coxinha é sua e você recheia com o que quiser.

Eu não coloquei aqui a receita exata do recheio, pois não sigo quantidades exatas, mas vamos a uns poréns: 300 gramas de peito de frango são suficientes para rechear a quantidade de massa de coxinhas que a receita renderá. Gosto de cozinhar o peito de frango no caldo caseiro, depois desfio com um garfo mesmo. Aí refogo em uma panela com azeite, alho, cebola, sal, pimenta do reino e ervas frescas.

INGREDIENTES

2 xícaras de caldo de frango ou legumes [uso caldo feito em casa]

2 colheres de sopa de manteiga

2 xícaras de farinha de trigo

1 colher de chá de sal

1 ovo + 2 xícaras de farinha de pão [farinha de rosca] para empanar


PREPARO

1. Leve o caldo ao fogo e adicione a manteiga;

2. Quando ferver desligue o fogo, coloque toda a farinha e os temperos e mexa tudo muito bem com uma colher de pau até  massa se formar [é bem rápido];

3. Transfira a massa para um tabuleiro e aguarde que esfrie. Sove com as mãos por 2 minutos, até a massa ficar bem macia e homogênea. Caso necessário acrescente um pouquinho mais de farinha de trigo [somente se a massa estiver grudando nas mãos];

4. Para esta receita o rendimento é de 12 coxinhas de tamanho médio – significa que é algo entre aquelas coxinhas pequeninas servidas em festa e as grandes servidas nas padocas… Se for fazer as de tamanho médio, divida a massa em 12 partes;

5. É muito simples formar as coxinhas – não desanime se as primeiras ficarem meio feiosas, é normal. Vá fazendo as demais e você verá que vai pegando o jeito e elas ficam mais bonitonas. Então, pegue uma parte da massa, coloque na palma da sua mão, achate-a bem, coloque um pouco do recheio, vá dobrando as bordas, fechando e dando o formato de coxinha – delicadamente. Vá seguindo seu sexto sentido!

6. Coloque o ovo em uma tigelinha [bata ligeiramente com um garfo] e a farinha de pão em outro recipiente. Então passe cada coxinha pelo ovo e depois pela farinha de pão. Repita com as demais;

7. Frite as belezinhas em óleo bem quente até dourarem [assim que retiro do óleo coloco em uma peneira, acho que ficam mais sequinhas].

Enjoy! Adoro comer coxinhas com molho de pimenta caseiro e uma boa cerveja gelada!

#DICAS

As coxinhas podem ser congeladas por até 3 meses: primeiro congele-as em uma bandeja ou forma e depois de já congeladas, armazene-as em um saco de congelamento. Quando eu congelo, prefiro descongelar antes de fritar, acho quem ficam mais crocantes.

Essa massa também pode ser utilizada para fazer Bolinhas de Queijo ou Risoles


mais receitas deliciosas

+ There are no comments

Add yours